| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

REVISTA FORMAS & MEIOS
Desde: 03/02/2005      Publicadas: 754      Atualização: 31/10/2005

Capa |  ARTES PLÁSTICAS  |  ARTESANIA  |  ATUALIDADES  |  CARANGO  |  CHARGE  |  CINEMA ANTIGO  |  CLÁSSICA  |  CONTANDO HISTÓRIAS  |  CRÉDITOS  |  CULTURA  |  DEAD ROCK  |  DISCOS / SHOWS  |  EDITORIAL  |  EXPOSIÇÕES  |  F&M FEMININA  |  F&M WORLD  |  FILMES EM CARTAZ  |  FOTOTECA  |  GALERIA VISCONDE  |  GIGANTES DO JAZZ  |  IMPRENSA  |  LITERATURA  |  MAURÍCIO CARDIM  |  MPB  |  MUSEUS  |  PARCERIAS  |  PERSONALIDADES  |  PINTORES  |  PORTFÓLIO  |  PROJETOS  |  QUEM SOMOS  |  RÁDIO  |  REDAÇÃO  |  SAÚDE  |  SPcentro  |  TEATRO  |  TELEVISÃO  |  TENDÊNCIAS  |  TVZONA


 CONTANDO HISTÓRIAS

  01/09/2005
  0 comentário(s)


JOVITA ALVES FEITOSA

Heroína nacional, nasceu em Brejo Seco, Ceará, e faleceu no Rio de Janeiro em 1867. Aos 16 anos de idade, veio morar em Jaicós, Estado do Piauí. Na Guerra do Paraguai, alistou-se como voluntária da pátria, tendo recebido do doutor Franklin Dória, presidente da Província do Piauí, as divisas de sargento. O gesto de Jovita teve grande repercussão no País, sendo manchete em toda a imprensa nacional. A passagem do Corpo de Voluntários, por São Luís do Maranhão, Paraíba e Pernambuco, foi motivo de regozijo e de manifestações populares. Foi desligada, pelo Ministro da Guerra, do Corpo de Voluntários em virtude da sua condição de mulher.

JOVITA ALVES FEITOSA



  Mais notícias da seção MULHER no caderno CONTANDO HISTÓRIAS
24/08/2005 - MULHER - ESPERANÇA GARCIA
Primeira escrava a peticionar no País."Eu Sou hua escrava de V.S. dadministração do Capam Anto Vieira de Couto, cazada. Desde que o Capam pa Lá foi adeministrar, q. me tirou da fazda dos algodois, aonde vevia com meu marido, para ser cozinheira da sua caza, onde nella passo mto mal.A Primeira hé q. ha grandes trovoadas de pancadas enhum Filho meu s...
23/05/2005 - MULHER - MULHERES e ruas
Mini - Biografias de mulheres que lutaram por uma vida melhor. Aqui figuram como nomes de ruas de SP, por sígno, veja. Janeiro:Avenida Anália Franco, Tatuapé- escritora, professora e jornalista, nasceu em Resende em primeiro de fevereiro de 1856. Colaborou em jornais literários e na imprensa feminista. Em 1901, criou a Associação Feminina Benefici...



Capa |  ARTES PLÁSTICAS  |  ARTESANIA  |  ATUALIDADES  |  CARANGO  |  CHARGE  |  CINEMA ANTIGO  |  CLÁSSICA  |  CONTANDO HISTÓRIAS  |  CRÉDITOS  |  CULTURA  |  DEAD ROCK  |  DISCOS / SHOWS  |  EDITORIAL  |  EXPOSIÇÕES  |  F&M FEMININA  |  F&M WORLD  |  FILMES EM CARTAZ  |  FOTOTECA  |  GALERIA VISCONDE  |  GIGANTES DO JAZZ  |  IMPRENSA  |  LITERATURA  |  MAURÍCIO CARDIM  |  MPB  |  MUSEUS  |  PARCERIAS  |  PERSONALIDADES  |  PINTORES  |  PORTFÓLIO  |  PROJETOS  |  QUEM SOMOS  |  RÁDIO  |  REDAÇÃO  |  SAÚDE  |  SPcentro  |  TEATRO  |  TELEVISÃO  |  TENDÊNCIAS  |  TVZONA
Busca em

  
754 Notícias